Armazéns urbanos: a chave para otimizar operações de fulfillment - Delage

Armazéns urbanos: a chave para otimizar operações de fulfillment

Descubra as principais vantagens dos armazéns urbanos para a logística de envio de pedidos e a competitividade da sua empresa.

 

 

Aarmazens_urbanos última década foi marcada por grandes avanços tecnológicos que influenciaram diversas áreas da sociedade, entre elas, a forma de consumo e a relação entre empresas e clientes. No Brasil, nos dois últimos anos, diante da crise da Covid-19, observamos um evento que trouxe novas oportunidades para o mercado. Ainda que tenha sido um período desafiador com um cenário de incertezas, por outro lado, foi também um ano positivo para a consolidação e amadurecimento do e-commerce no país.

 

Segundo dados levantados pela empresa de inteligência T.Group e os números fornecidos pela Neotrust, foram mais de 20 milhões de novos consumidores no comércio eletrônico, em 2020 e que se mantiveram ativos no ano de 2021. A escolha por compras on-line já é realidade no Brasil e muitas empresas estão se preparando para oferecer aos consumidores novas formas e experiências para o usuário, seja aumentando a diversidade de produtos em sites, expandindo seu alcance nas ferramentas de marketplaces e/ou oferecendo novas estratégias de omnichannel.

 

Com o mercado mudando em tempo recorde, novos desafios aparecem para as empresas. Um deles é a eficiência, qualidade e velocidade de envio de produtos. A entrega de pedidos não só é uma demanda recorrente dos consumidores, como também fator decisivo na hora de realizar uma compra. O tempo de entrega e a forma que o produto chega até o cliente é um dos assuntos mais discutidos por grandes players do mercado. Hoje já é possível realizar entregas em menos de 24 horas, mas como isso é realizado?

 

Empresas como a Amazon têm investido cada vez mais em centros logísticos conhecidos como “armazéns urbanos”. Como o próprio nome descreve, tratam-se de armazéns instalados em centros urbanos ou proximidades de lojas e/ou clientes, a fim de reduzir as distâncias e fornecer entregas no menor tempo possível. Esses novos formatos têm se mostrado essenciais para negócios que visam se adequar à nova demanda do mercado.

 

Mas, afinal, como os armazéns contribuem para o sucesso da cadeia de suprimentos da sua empresa? Nesse artigo vamos abordar suas principais características e as vantagens que oferecem. Confira nos tópicos a seguir.

 

 

Armazéns urbanos e suas principais características

 

Armazéns urbanos são centros logísticos localizados dentro de polos urbanos, nas proximidades de grandes cidades ou, até mesmo, perto de lojas físicas. Sua finalidade é armazenar, efetuar a separação de pedidos e realizar a distribuição de produtos de forma rápida e eficiente. Em outras palavras, são empreendimentos que visam realizar o fulfillment com o máximo de agilidade e precisão. Os armazéns urbanos já são considerados, hoje, uma estrutura fundamental para a boa performance e crescimento do comércio eletrônico. Podem ser projetados como dark stores ou micro-fulfillment centers.

 

Operar e coordenar a logística de e-commerces exige, por parte dos gestores, não só conhecimento técnico como também uma capacidade estratégica para projetar processos rápidos e eficientes. Alguns dos requisitos para uma excelente gestão dentro desses armazéns são: alta acuracidade do estoque, picking ágil e preciso, custos de transportes reduzidos, rotas de entrega inteligentes e gestão de política reversa cada vez mais rápida.

 

Apesar de serem associados ao comércio eletrônico, os armazéns urbanos podem ser aplicados para inúmeras empresas, como, por exemplo, indústrias farmacêuticas e alimentícias, que exigem alta performance devido à grande demanda.

 

Todas as características apontadas acima fazem dos armazéns urbanos a peça chave que permite às empresas se tornarem competitivas no mercado, atendendo às novas exigências dos consumidores. Grande parte dos armazéns tradicionais têm dificuldade de acompanhar em tempo hábil as mudanças no consumo, ficando para trás no posicionamento em relação a outros negócios do mesmo nicho, especialmente os grandes players. E a verdade é que quem não estiver aberto a inovar realmente pode perder um espaço importante no mercado.

 

Hoje, por exemplo, a demora na entrega não é mais uma situação que gera apenas comentários negativos nos sites de avaliação. É um fator que pode provocar a desistência de uma compra. Se uma empresa entrega um produto em 5 dias e outra oferece o mesmo item com o prazo de apenas 24h, é bem provável que o cliente escolha a segunda sem pensar muito. Nesse sentido, uma das estratégias fundamentais para garantir a competitividade, entregando em tempo recorde, é estar próximo fisicamente desse cliente. Daí o papel crucial dos armazéns urbanos.

 

 

Vantagens competitivas dos armazéns urbanos

 

Você pode estar se perguntando: “na prática, quais benefícios a minha empresa terá ao considerar aplicar os armazéns urbanos como estratégia logística? O investimento realmente vale a pena?” Confira, abaixo, algumas das principais vantagens oferecidas:

 

1. Velocidade na entrega

 

 

velocidade_entrega

Conforme destacamos anteriormente, cada vez mais os consumidores consideram a velocidade de entrega como um fator decisivo na hora de realizar um pedido, especialmente quando se fala em e-commerce. Tendo esse cenário em vista, empresas já investem em diferenciais competitivos como, por exemplo, o same day delivery, ou seja, a possibilidade de entrega em menos de 24 horas. Essa tendência iniciou-se nos Estados Unidos, com a empresa Amazon, no ano de 2012, e logo foi se popularizando por inúmeras empresas da América do Norte, chegando também ao Brasil.

 

Os armazéns urbanos possibilitam que a entrega em um dia seja realizada, uma vez que são localizados e operados em pontos estratégicos das cidades, visando sempre reduzir as distâncias e obter as melhores rotas de envio. Além disso, é possível realizar várias entregas no mesmo dia em um curto espaço de tempo. O resultado disso, são vantagens em via dupla, tanto para empresa, quanto para o consumidor.

 

✔ Principais vantagens para o consumidor: a principal vantagem é a satisfação com a velocidade do recebimento, afinal, uma das características de qualquer comprador, independente do nicho, é a ansiedade quanto à chegada do produto. Além disso, sua empresa passa a ser considerada em outras situações pelo consumidor, que tem segurança em sua marca para efetuar compras urgentes e que necessitam de um prazo rápido de entrega.

 

✔ Principais vantagens para a empresa: fidelização do cliente bem atendido, aumento da reputação diante ao mercado e, consequentemente, reconhecimento por meio de seus diferenciais. Uma vez que o mercado é cada vez mais competitivo, ser lembrado como uma marca que possibilita excelentes experiências de compras, faz da sua empresa um negócio de sucesso.

 

 

2. Proximidade dos clientes

 

Você está onde o seu cliente está? Essa pergunta pode parecer óbvia, mas um ponto que deve ser levado em consideração na hora de investir em armazéns urbanos é justamente a localização de acordo com o seu público-alvo. Como mencionado no item anterior, armazéns urbanos que estão em áreas urbanas, tendem a ter uma velocidade de entrega excelente, no entanto, é preciso assegurar que essas áreas estejam próximas do seu consumidor principal.

 

Ainda é possível identificar grandes armazéns tradicionais em áreas rurais ou afastadas de quaisquer centros urbanos, o que pode prejudicar a logística de entrega se o assunto for velocidade. Então, antes de aplicar armazéns urbanos em sua empresa considere:

 

  • Realizar uma pesquisa de mercado;
  • Mapear onde seu público-alvo, ou que representa a maior porcentagem de venda, se encontra.
  • Identificar a flexibilidade de rotas e se é possível aumentar a velocidade de entrega de seus produtos.

 

 

3. Proximidade de lojas físicas

 

Outra vantagem que pode ser observada ao optar pelos armazéns urbanos é a proximidade de lojas físicas, que também precisaram se adaptar diante ao novo mercado de consumo, uma vez que estratégias de omnichannel ganharam força nos últimos anos. Omnichannel nada mais é que uma nova experiência de consumo onde se interligam os diferentes canais de compra (on-line e off-line), ou seja, é possível realizar uma compra através do site e retirar na loja, assim como o inverso, efetuar a compra junto ao vendedor físico e receber os produtos em casa.

 

Seja qual cenário a compra for efetuada, a proximidade de armazéns urbanos das lojas físicas permite que os produtos estejam disponíveis de  forma rápida para a retirada na loja, assim como é possível enviar com a mesma eficiência o produto para a casa do cliente.

 

 

4. Flexibilidade de fornecedores 

 

Uma vez localizado próximo aos centros urbanos, é possível ter maior flexibilidade na hora de contratar os fornecedores e transportadoras.

 

Em geral, grandes empresas de transporte não têm versatilidade na negociação de valores, os quais muitas vezes são repassados em forma de frete para os clientes. Contudo, se o preço de envio é alto, comparado aos concorrentes, o consumidor pode ficar insatisfeito e  ter uma experiência negativa com a marca.

 

Nesse sentido, um ponto positivo dos armazéns urbanos é a possibilidade de encontrar amplos serviços de entregas, como aplicativos sob demanda e terceirizados que reduzem o valor da entrega, tornando o serviço mais barato para empresas e clientes.

 

 

5. Agilidade na logística reversa

 

Como é realizada hoje a logística reversa em sua empresa? Quanto tempo dura a devolução de um produto dentro do seu armazém? Esses questionamentos fazem parte da experiência de compra do consumidor, portanto, é preciso garantir que, na prática, o transporte de produtos em casos de devolução seja rápido e preciso.

 

Devoluções, em geral, acarretam para empresas altos custos junto às distribuidoras e transportadoras, porque o impacto vai além do retrabalho, como também gastos adicionais com combustíveis, operadores, podendo ocorrer, até mesmo, a perda de mercadoria. E se já não bastassem todos esses problemas logísticos, uma devolução pode interferir na relação do cliente com a empresa, gerando uma experiência negativa.

 

Dessa forma, a conta é fácil: quando seu armazém está localizado em espaços urbanos, os gastos adicionais são menores, porque os trajetos podem ser facilmente reduzidos gerando maior economia para o processo. Além disso, é possível fornecer um retorno rápido ao cliente com a troca de produtos ou a devolução, aumentando a sua confiança na marca e fortalecendo o relacionamento com a sua empresa.

 

 

6. Melhor experiência de compra omnichannel

 

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Google, clientes imersos no omnichannel possuem um LTV 30% maior que consumidores single channel. Isso indica que empresas que possuam habilidades de integrar seus canais de vendas têm maiores chances de sanar dúvidas de seus consumidores e convertê-las em novas vendas.

 

Os armazéns urbanos auxiliam no modelo omnichannel, uma vez que aproximam os estoques do consumidor e dos principais pontos de venda físicos. Dessa forma, é possível potencializar as vendas, permitindo ao consumidor transitar entre os canais, e o mais importante: ter uma experiência unificada em todos eles. Seja comprando diretamente no site, ou adquirindo o produto on-line e retirando-o na loja, ou, ainda, encomendando na loja e recebendo em casa, o cliente terá o produto em suas mãos o mais rápido possível.

 

 

 

Como projetar e operar um armazém urbano

 

armazens_urbanosAgora que você já conhece um pouco mais sobre as vantagens oferecidas pelos armazéns urbanos, é hora de ficar de olho na logística de planejamento e operação desse modelo intralogístico. Os armazéns urbanos funcionam como armazenamento temporário de produtos,  ou seja, são espaços que recebem dos centros de distribuição produtos que ficam disponíveis para envio imediato aos consumidores finais.

 

Em geral, os armazéns urbanos operam com itens fracionados, de modo a facilitar e agilizar a separação, bem como o fechamento de um pedido. Assim, para garantir o máximo de organização do estoque e do processo de picking, é altamente recomendado o uso de sistemas de gestão como o WMS e OMS.

 

Em muitos armazéns, esses softwares se integram a sistemas automáticos de assistência à separação de pedidos, como voice picking ou pick-to-light, facilitando ainda mais o trabalho do colaborador, indicando o passo a passo para a execução de uma determinada tarefa e deixando o processo operacional mais rápido e preciso. Muitos armazéns urbanos lidam com uma quantidade alta de pedidos e com a pressão dos prazos de entrega, por isso, o investimento em sistemas de gestão integrados a sistemas automáticos tem sido o melhor caminho para garantir alta performance e o cumprimento de todas as metas.

 

 

Acompanhe a evolução do mercado

 

Agora que você, gestor logístico, já sabe tudo sobre o funcionamento dos armazéns urbanos, chegou a hora de acompanhar a evolução do mercado e escolher o parceiro certo na jornada de desenvolvimento, competitividade e alcance no mercado.

 

Aqui na Delage você encontra os melhores sistemas de gerenciamento de armazéns capazes de otimizar seus processos e acelerar seus resultados e lucratividade. Nosso OMS oferece funcionalidades ideais para a gestão de armazéns urbanos, garantindo o máximo de agilidade no picking e total precisão no atendimento a todos os pedidos, além de dados que podem ser acompanhados em tempo real.

 

Centralize suas informações, reduza custos, organize o ciclo de seus pedidos, elimine qualquer erro manual dentro de armazéns urbanos, ofereça ao seu cliente final o melhor serviço e seja uma empresa de reconhecimento no seu nicho. Converse com um de nossos especialistas, tire suas principais dúvidas e esteja preparado para as novas exigências do mercado!

 



Deixe um comentário